Curso Introdução à Modelação e Impressão 3D

Curso Introdução ao 3D – LAB ABERTO FAB LAB

Esta sequência de workshops destina-se a todos os interessados nas várias vertentes da modelação e impressão 3D. Está estruturada numa sequência de sessões que pode ser seguida de forma sequencial ou alternada. Cada participante escolherá o percurso que lhe for mais apropriado.

Organização: Artur Coelho.

Horário e local: Datas: 1, 15 e 29 de março, 5 e 19 de abril (quintas feiras), entre as 18 e as 20, LAB CENTER, loja 33. As datas poderão ser ajustadas de acordo com as necessidades dos formandos e do formador.

Preço: 5€ por sessão; 20€ todo o curso.

Inscrições: Curso Introdução ao 3D Lab Aberto

Workshop 1: Introdução à impressão 3D

Neste workshop, pretendemos que os participantes adquirem conhecimentos elementares sobre as tecnologias de impressão 3D, e aprendam a utilizar uma impressora FDM/FFF.

Conteúdos:

1) Imprimir em 3D: funcionamento de uma impressora cartesiana; carregar filamento; uso de slicers; importar ficheiros STL (Cura e Beesoft); operações de escala, rotação, otimização de mesa de impressão; opções de impressão (resolução, temperaturas, densidades, suportes e bases).

2) O que é impressão a 3D: possibilidades campos de intervenção, casos práticos, do uso pessoal ao industrial.

Workshop 2: Modelação para Impressão 3D I – Tinkercad

Neste workshop, os participantes aprenderão a criar modelos 3D utilizando o Tinkercad. Esta aplicação Web tem um interface acessível e permite criar facilmente criar modelos usando técnicas de modelação por primitivos.  A progressiva ubiquidade das impressoras 3d levanta a questão “o que vamos imprimir”. Se quisermos ir além do download de modelos de repositórios online, adquirir competências de modelação é essencial. Bem como amplificador das actividades e aprendizagens que podemos oferecer aos nossos alunos. Aprendizagem de modelação 3D é um processo complexo, e a impressão traz consigo questões técnicas complexas para quem não domina profundamente as técnicas de trabalho. O tinkercad foi criado para responder a estas questões.
– é web based, funcionando em browsers (facilita a gestão do parque informático).
– partilha simplificada (cada aluno sua conta, o partilhável tem de ser tornado público, copiável remisturável, creative commons)
– modelação por primitivos, com operações booleanas, restringe o tipo de modelos que se pode criar (sem revoluções, loft, splines) mas garante modelos que correm bem em impressão 3D.

Conteúdos:

1) Espaço de trabalho: manipulação com órbita, arrastamento, zoom, seleção; plano de trabalho.

2) Operações com primitivos: rotação, translação no plano e no espaço, deformação por redimensionamento; medidas e linhas de cotagem.

3) Modelação com primitivos: operações booleanas de corte e união.

4) Utilizar geradores de forma.

5) Importar modelos externos (SVG, OBJ, STL).

6) Exportação em STL, OBJ e SVG.

Workshop 3: Modelação para Impressão 3D II – Sketchup

O Sketchup é uma aplicação de modelação 3D por subdivisão de superfícies que alia o rigor do CAD a um interface intuitivo de fácil aprendizagem. O processo de modelação e as ferramentas que disponibiliza permite criar modelos com maior complexidade do que os possíveis com modelação por primitivos. Neste workshop os participantes irão conhecer técnicas de modelação de objectos complexos (linhas, curvas, revolução) com o Sketchup Make.

Conteúdos:

1) Interface do Sketchup Make: ferramentas de traço, deformação e manipulação do espaço.

2) Modelação por subdivisão: traçar linhas e superfícies; criar volumes por extrusão; subdivisão por traçagem; manipulação de vértices, arestas, superfícies e volumes com translação, rotação e escala.

3) Modelação com revolução/varrimento.

4) Interseção de superfícies.

5) Criação de grupos e componentes; modelos ocos com outer shell.

6) Modos de visualização (sombras, ambientes, layouts).

7) Plugins: detecção e correção automatizada de erros com Solid Inspector; Exportação com SketchUp STL.

Workshop 4: Validação de STL

A validação de ficheiros STL permite-nos verificar se um modelo 3D irá imprimir corretamente, analisando, detectando e corrigindo erros nas superfícies e volumes. A impressão 3D exige alguns cuidados com o modelo a imprimir, especificamente no que toca à estanquidade, geometria interior e orientação de normais. Validar permite detectar e corrigir erros que, se não verificados, se traduzem em impressões com falhas. Outro problema que podemos ter é a conversão entre formatos para STL, o lido pelos programas para impressão 3D.

1) Conversão de modelos 3D para STL com Meshlab e netfabb; conversão de modelos CAD com 3D Transform.

2) Netfabb: validação, detecção e correção automatizada de erros – scripts de reparação; escalagem, redimensionamento, rotação; cortes.

3) Netfabb: correção manual de erros – eliminação de volumes e superfícies; reversão de normais.

4) Meshlab: redução de polígonos.

5) Meshlab: filtros de correção de erros.

6) Meshmixer: criação de shell do modelo 3D.

7) 3D Builder: correção automática de erros (só em Windows 10).

8) Conversão com Freecad.

Workshop 5: Modelação 3D em Android.

A acessibilidade e portabilidade dos dispositivos móveis também permitem criar em 3D. O tablet ou telemóvel pode tornar-se um dispositivo de trabalho nestas áreas, embora não disponha dos recursos, ferramentas e poder computacional do computador pessoa,. No domínio do 3D, o ecossistema Android dispõe de algumas aplicações gratuitas que permitem criar em 3D com a ponta dos dedos.

1) Modelação por primitivos com 3DC.io: ferramentas de mover, rodar e escalar; interface da aplicação (espaço de trabalho, opções, galeria e partilha); formas 3D com primitivos, extrusão de superfícies e texto; operações booleanas de corte e união; exportação de modelos.

2) Integração web/tablet com Autodesk FormIt. **

3) CAD com Onshape. *

* em demonstração.

* * aplicação descontinuada em android.

Posted by archizero